quarta-feira, 30 de maio de 2012

Citações



" - Preste atenção - ela disse, ao abrir a porta de sua casa - o que a gente sonha aqui, tende a acontecer.
Pensei que é preciso ter coragem para morar em um lugar assim, onde o que se sonha passa a existir.
- Precisa ter muita certeza do seu sonho."

Uma pena que não tinha o autor ou qualquer outro tipo de fonte para eu poder citar aqui.

terça-feira, 29 de maio de 2012

Resenha: Percy Jackson & Os Olimpianos - Os Arquivos do Semideus

Livro: Percy Jackson & Os Olimpianos - Os Arquivos do Semideus
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Páginas: 168

O livro foi lançado após a saga, composto por pequenas histórias de Percy e seus amigos. No livro também se encontram entrevistas com os personagens da saga, histórico dos deuses do Olimpo, mapa do acampamento e  passatempos relacionados com os outros livros da série.
Interessantes histórias curtas, dinâmicas e  rápidas de ler.

domingo, 20 de maio de 2012

Caixa do Correio #4

Bom dia!!!
Pela primeira vez em minha cidade, graças à algumas pessoas muito ligadas à leitura, está acontecendo uma Feira do Livro. Começou na quinta-feira (17) e vai até hoje, domingo (20). Teve várias apresentações legais entre teatros, cinema, oficinas, bate-papos, palestras, shows, enfim, uma feira completa! Foi uma maravilha de público, graças à Deus.
E como não poderia ser diferente, eu não consegui visitar a feira sem adquirir nada!
Na quinta-feira, teve show da banda O Teatro Mágico (que eu simplesmente amo demais), o show foi - demorei dez minutos para tentar encaixar uma palavra que traduzisse o que foi o show e não consegui encontrar nenhuma de tão bonito que foi -, enfim, perfeito (bem clichê), mas foi perfeito mesmo.
Bom, eu não resisti e comprei o segundo livro da linda Maíra Viana Barros, O Teatro Mágico em Palavras II - Diálogos. Os dois livros são apaixonantes, são pequenos contos baseados em músicas da trupe. E, é claro, para tornar a leitura ainda mais sonhadora e agradável, escuto a música em questão e depois leio o conto!
Ontem, fui novamente à feira, e não resisti de novo, adquiri dois livros que já li, há alguns anos, mas que gostei muito, (p.s. não fotografei, mas amantes de livros saberão quais são), dois clássicos da nossa literatura:
Lucíola - José de Alencar e, Lira dos Vinte Anos - Álvares de Azevedo, para acrescer ainda mais minha coleção dos clássicos!
Voltando a contar de ontem na feira, à noite, teve dois shows muito bons, o primeiro com a banda Antes de Ontem, tocando clássicos do rock´n´roll (amo os clássicos!) e Jordana Souza convida: Nelson Triunfo, recomendo à todos, a banda manda uma sonzeira pesada e a Jordana canta muito e ainda tem as letras inteligentíssimas! # ficaadica: O Teatro Mágico e Jordana Souza!
Hoje ainda tem mais feira, preciso (sim, preciso) voltar lá para comprar um livro que está me convidando à leitura A Lua de Yakuza, que conta a história de uma moça filha de alto escalão da Yakuza. e tem o show de hoje, que me agrada também, Pocket Show - Fernandinho Beat Box & Antes de Ontem.
Quero deixar aqui, os meus agradecimentos aos organizadores da feira nossos amigos da cultura, que fazem sempre o possível para trazer um pouco mais da luz da sabedoria para nossa cidade! Adoro essa iniciativa, e quem sabe, ano que vem o meu livro estará no estande de autores regionais :)



Mudando de assunto, mas nem tanto, estou participando do Book Tour: O Círculo de Pedra, que também, torço para ser um sucesso!
Estou ansiosa para ler. Mais informações: http://pamelachris.blogspot.com.br/
(Assim que eu descobrir como colocar o selinho direito no blog, o coloco - sou leiga nessa assuntos!)

Um beijo a todos e um ótimo domingo!



domingo, 13 de maio de 2012

Caixa do Correio #3

Caixa do Correio #3: livros novos!!!



* Melancia - Mariana Keyes
* Sushi - Mariana Keyes
* Aventuras de Alice no País das Maravilhas & Através do Espelho e o que Alice Encontrou por lá - Lewis Carroll
* O Mágico de Oz - Le Frank Baum

Os livros Melancia e Sushi, ganhei em uma troca de livros, adorei, pois quero muito ler, a crítica deles é muito boa!
Alice - foi para minha coleção pessoal de "nãoemprestopornadanessemundo", é o meu livro preferido, li o livro uma única vez quando estava na faculdade e me apaixonei, passeando pela "submarino" estava na promoção e resolvi comprá-lo!! Lindíssimo, veio com as ilustrações originais de John Tenniel (morri assim que chegou!). Era o meu desejo de consumo master desde sempre.
O Mágico de Oz - não li quando estudava, comprei pelo catálogo Shopping Mais (Avon), paguei baratinho também, na verdade era para ter vindo esse e o Pequeno Príncipe, mas o problema de se comprar pelo Avon é esse, às vezes não tudo o que pedimos... Nunca li, mas conheço a história, estou empolgada para ler.
Por enquanto é isso!!
Beijos

Resenha : Percy Jackson & Os Olimpianos - O Último Olimpiano

Cuidado! Essa resenha é uma continuação dos livros: Percy Jackson & Os Olimpianos - O Ladrão de Raios, O Mar de Monstros, A Maldição do Titã e A Batalha do Labirinto!


Livro: Percy Jackson & Os Olimpianos - O Último Olimpiano
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Páginas: 383

Um meio-sangue, dos deuses antigos filho,
Chegará aos dezesseis anos apesar dos empecilhos
Num sono sem fim o mundo estará
E a alma do herói, a lâmina ceifará
Uma escolha seus dias vai encerrar
O Olimpo preservar ou arrasar.

O último livro da série Percy Jackson & Os Olimpianos que demorei um pouco mais para começar e terminar de ler, mas, realmente, me surpreendeu e correspondeu minhas expectativas, embora, tenha achado semelhante ao Harry Potter.  3 jovens que buscam salvar seus respectivos mundos e amigos. A diferença é que um é sobre a mitologia e o outro é sobre magia.
Nessa última aventura, a batalha contra Cronos está acontecendo, todas as páginas são recheadas de batalhas, lutas, devaneios. Enquanto os olimpianos estão lutando contra Tifão, Cronos e seus exército avança em direção à cidade de Nova York para destruir o Olimpo e quem estiver no caminho.
O que mais me surpreendeu foi a revelação da profecia. Estava esperando um final mais óbvio, o que não foi o caso. Rick me fez pensar o livro todo que ia acontecer uma coisa, quando, na verdade, aconteceu outra bem diferente.
Até Hades, que não queria nada com nada, veio ajudar na batalha (também uma surpresa). 
O final do livro, revela uma intensão de continuação, mas não sei o que nos aguarda quanto a isso.

domingo, 22 de abril de 2012

Dica de Filme: As Horas


Título Original / País / Ano: The Hours / EUA / 2002
Gênero: Drama
Diretor: Stephen Daldry
Resumo: Três épocas, três mulheres em três histórias que se mesclam e se transformam pela influência de uma grande obra literária. A primeira é Virgínia Woolf (Nicole Kidman), que vive num subúrbio londrino nos anos 20, lutando contra a insanidade enquanto começa a escrever seu primeiro grande romance, A Senhora Dalloway. As outras mulheres, a dona de casa Laura Brown (Julianne Moore), de Los Angeles, nos anos 40e a editora Clarissa Vaughan (Meryl Streep), nos dias de hoje, em Nova York, enfrentam situações diferentes entrelaçadas pelo livro que Virgínia escreveu. 

Resenha: O filme foi indicado e emprestado por uma amiga minha, Jailma, sempre acertando em suas indicações.
Gosto muito das três atrizes, Nicole Kidman está irreconhecível, demorei um pouco para assimilar que era ela mesma e sua atuação está impecável, tanto que recebeu o Oscar por melhor atriz nesse papel. Julianne Moore está vivendo na década mais linda que já existiu, a de 40, o cabelo está lindo e as roupas que ela usa, maravilhosas. Meryl Streep está perfeita.
Vamos aos comentários do filme: o filme é baseado no livro As Horas de Michael Cunningham, que foi inspirado no romance Mrs Dalloway da Virgínia Woolf. O enredo trata da história de três mulheres que carregam em suas vidas sentimentos em comum, como a insatisfação e o fracasso.
São retratos de três vidas em épocas distintas, que se encontram através do livro Mrs. Dalloway, é um filme de alma feminina, onde nos artifícios da trama, outras mulheres se reconhecem no trama existencial de cada personagem. Uma mulher que gostaria de ser personagem de um romance, uma que vive e outra que escreve.

terça-feira, 17 de abril de 2012

Dica de Filme: Mamonas Pra Sempre


Título Original / País / Ano: Mamonas Pra Sempre / Brasil / 2011
Gênero: Documentário
Direção: Cláudio Khans
Sinopse: A história da banda Mamonas Assassinas, cuja meteórica carreira – de oito meses e mais de 3 milhões de discos vendidos – foi interrompida pelo acidente aéreo que culminou na morte de seus cinco integrantes, chocando e comovendo o Brasil.

Acho que, não tem necessidade de uma resenha, pois quem viveu nos anos 90 conhece e se lembra, mesmo que vagamente, a trajetória da banda.
Posso dizer que fiquei emocionada, me lembrou de quando escutei pela primeira vez Mamonas Assassinas e de quando aconteceu o trágico acidente aéreo. O engraçado é que, me lembrei exatamente do que estava fazendo quando me lembrei dos dois fatos.

quarta-feira, 28 de março de 2012

Dica de Filme: O Contador de Histórias


Título Original/País/Ano: O Contador de Histórias / Brasil / 2009.
Gênero: Drama.
Direção: Luiz Villaça.
Sinopse: Aos seis anos, Roberto Carlos Ramos é internado por sua mãe em uma instituição para menores carentes em Belo Horizonte. Dotado de imaginação fértil, chega aos 13 anos analfabeto, com mais de 100 fugas no currículo, várias infrações e o diagnóstico de irrecuperável. O encontro com uma pedagoga francesa mudará, para sempre, a vida de Roberto.

Resenha: Achei o filme muito bonito. Uma história realmente incrível. O filme, é baseado na história real de Roberto Carlos Ramos, conhecido hoje, como o maior contador de histórias do Brasil.
A mãe de Roberto, vê sua família tomada pela pobreza, e, para dar uma vida melhor a seu filho, o leva para uma entidade assistencial recém criada pelo governo. A mãe, acreditava que estava dando um futuro melhor para seu filho. Mas a realidade da entidade é bem diferente da prometida pela propaganda mostrada na TV.
Aos 13 anos, analfabeto, e com incontáveis fugas em seu currículo, Roberto é dado como "irrecuperável" pela diretora da instituição. Em uma de suas fugas, encontra-se com a pedagoga francesa Margherit Duvas, que está desenvolvendo uma pesquisa no Brasil. Roberto torna-se um desafio para ela, que após muito carinho, consegue ajudar o "irrecuperável".

O Contador de Histórias: Roberto é Pedagogo, Mestre em Educação pela Unicamp, Pós-Graduado em Literatura Infantil pela PUC - MG, membro da Associação Internacional dos Contadores de Histórias e Valorizadores da Expressão Oral Mundial, sediada em Marselha (França). Em 2001 foi eleito como um dos dez maiores contadores de histórias da atualidade em Seattle, nos Estados Unidos.
Adotou 13 meninos dados como "irrecuperáveis". Todos deixaram as drogas, estão na escola e tem uma perspectivas profissional.

sábado, 24 de março de 2012

Música 1: Flight of Icarus - Iron Maiden.


Como estou lendo muita milogia grega nesses últimos 2 meses, decidi postar uma música que também fala de mitologia, de uma banda que particularmente, eu AMO.
A música é Flight of Icarus da banda Iron Maiden, pode ser encontrada no álbum Piece of Mind.
Flight Of Icarus (Iron Maiden)
As the sun breaks, above the ground,
An old man stands on the hill,
As the ground warms, to the first rays of light
A birdsong shatters the still.
His eyes are a blaze,
See the madman in his gaze.
Fly, on your way, like an eagle,
Fly as high as the sun,
On your way, like an eagle,
Fly, touch the sun.
Now the crowd breaks and a young boy appears
Looks the old man in the eye
As he spreads his wings and shouts at the crowd
In the name of God my father I'll fly.
His eyes seem so glazed
As he flies on the wings of a dream,
Now he knows his father betrayed
Now his wings turn to ashes to ashes his grave.
Fly, on your way, like an eagle,
Fly as high as the sun,
On your way, like an eagle,
Fly as high as the sun.
(Icaro é um personagem da mitologia grega, filho de Dédalo, construtor do labirinto que prendia o minotauro na ilha de Creta. Conta a lenda que Dédalo e o filho foram encarcerados no labirinto e, para fugir, construíram asas com penas e cera. Mas ao levantarem vôo, Ícaro se aventurou a voar muito alto e suas asas de cera derreteram com o calor do sol.)

sexta-feira, 23 de março de 2012

Caixa do Correio #2

Caixa do Correio #2
Esses livros, na verdade, chegaram há algum tempo também, como estava sem máquina fotográfica, não deu para colocar fotos, mas agora estão prontas!
Comprei eles em um sebo de uma amiga do orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?rl=tr&uid=15834539806712447546, uma fofa, super confiável!

Aí estão minhas novas aquisições Março/2012:
* A Hora da Estrela - Clarice Lispector.
* Namorados Imprestáveis - Jessie Jones.
* Tutancâmon - O Último Segredo - Christian Jacq.
* Prelúdio Para a Morte - Val McDermid.
* Acordei em Woodstock - Ignácio de Loyola Brandão.
* O Pêndulo de Euclides - Aleiton Fonseca.
"A Hora da Estrela - Clarice Lispector" eu já li algumas vezes, mas não tinha o meu exemplar, então, vi nesse sebo e claro, tive que comprar, sou muito fã da Clarice, adoro o jeito que ela escreve e, A Hora da Estrela é um clássico.
"Namorados Imprestáveis - Jessie Jones" é uma comédia romântica, diferente de tudo que já li, pois adoro o fantástico, esse livro promete me tirar muitas risadas, não vejo a hora de ler.
"Tutancâmon O Último Segre - Christian Jacq" é bem o estilo que eu gosto também, adoro histórias sobre o Egito Antigo.
"Prelúdio Para a Morte - Val McDermid" - romance policial, gosto muito também, sou uma grande fã de Agatha Christie e da coleção Mortal, esse parece ser no mesmo estilo.
"Acordei em Woodstock - Ignácio de Loyola Brandão" - conta a história da minha época preferida na história, tanto da música quanto das pessoas. Sempre brinco que eu nasci na época errada, deveria ter nascido em Woodstock!
"O Pêndulo de Euclides - Aleiton Fonseca" - esse veio de brinde, a história é baseada na Guerra dos Canudos e a grande admiração do autor por Euclides da Cunha. Parece ser bem interessante, na verdade, sou também uma grande admiradora da literatura clássica brasileira, li vários livros, entre eles Euclides da Cunha, estou anciosa para ver o que Aleiton tem a contar sobre Euclides.
Muita leitura para mim para os próximos dias, estou esperando chegar meu exemplar de "O Mágico de Oz" também que encomendei e ainda não chegou..

segunda-feira, 19 de março de 2012

Dica de filme: A Onda


Título Original/país/ano: Die Welle/EUA/2008
Gênero: Drama
Direção: Dennis Gansel
Sinopse: Rainer Wegner, professor de ensino médio, deve ensinar seus alunos autocracia. Devido ao desinteresses deles, propõe um experimento que explique na prática os mecanismos do facismo e do poder. Wegner se denomina o líder daquele grupo, escolhe o lema "força pela disciplina" e dá ao movimento o nome de A Onda. Em pouco tempo, os alunoscomeçam a propagar o poder da unidade e ameaçar os outros. quando o jogo fica série, Wegner decide interrompê-lo. Mas é tarde demais, A Onda já saiu de seu controle. Baseado em uma história real ocorrida na Califórnia em 1967.
Resenha: Para falar a verdade, achei o que filme fosse ser uma porcaria. Mas não foi. Um ótimo filme, que mostra como o "poder" sobe à cabeça e que fica difícil de controlar quando uma ideia (idiota) atinge uma massa tão grande. O professor Rainer Wegner, queria ensinar sobre a Anarquia, mas como ele entrega o projeto atrasado, sobrou a Aristocracia para ele. Alguns alunos matricularam-se nesse curso, por falta de opção e outros porque gostava do professor. Wegner, percebe o total desinteresse dos alunos pelo curso, então decide prender a atenção deles jogando uma questão: se a Alemanha poderia voltar a ser como era nos tempos de Hitler. Para provar essas questão, começam um projeto "A Onda".
Eu não entendia nada de facismo, nunca havia lido ou visto nada a respeito. Após ver o filme, entendi o que o Humberto Gessinger quis dizer com: "o fascismo é fascinante deixa gente ignorante fascinada". O filme mostra o poder da disciplina, e como esse poder e essa disciplina podem ser altamente perigosos.
Na minha visão profissional, o que aconteceu com o professor foi: em pouco tempo ele tinha o respeito e a atenção de todos os alunos, a aprovação da maioria dos pais e da direção da escola. A "força pela disciplina" subiu rapidamente à cabeça desse professor. O grupo que ele havia formado estava excluindo outros grupos que não aceitassem suas ideias e machucando as pessoas que eles amavam.
Acabei de ler a história real, fiquei chocada.

Dica de Filme: Invictus


Título Original/país/ano: Invictus/EUA/2009
Gênero: Drama
Classificação: Livre
Direção: Clint Eastwood
Sinopse: Dirigido por Clint Eastwood, o filme Invictus conta a história do presidente sul africano Nelson Mandela (Morgan Freeman - não teria alguém melhor) que usa o esporte ara unir a população, durante uma copa do mundo no país. Para conseguir essa façanha, chama para uma reunião François Pienaar (Matt Damon), capitão da equipe sul-africana, e o incentiva para que a seleção nacional seja campeã.
Resenha: Nelson Mandela foi um dos maiores exemplos de lideraça pacífica que eu já vi. Mandela, eleito presidente após sair de uma prisão (indevida, na minha opinião), começa sua revolução para unir os dois povos, que estavam separados por conta de um preconceito totalmente idiota. Mandela vê no esporte a melhor maneira uní-los.
O filme mostra como Mandela tratava todos as pessoas, não como um número, ou com um ser invisível, mas como pessoa, independente de sua cor ou classe social. O que mais me impressionou no filme, foi o fato de ele saber o nome e algum fato da vida de todos com quem ele conversava.
A inspiração de Nelson, um poema, chamado Invictus do poeta britânico William Ernest Henley (1849-1903)
Invencível
Da noite que me cobre,
Negra como um poço de alto a baixo,
Agradeço quaisquer deuses que existam
Pela minha alma inconquistável.
Na garra cruel da circunstância
Eu não recuei e nem gritei
Sob os golpes do acaso
Minha cabeça está sangrenta, mas ereta.
Além, deste lugar de fúria e lágrimas
Só o eminente horror matizado
E, contudo a ameaça dos anos me encontra
E encontrar-me-á, sem temor.
Não importa a estreiteza do portão.
Quão cheio de castigos o caminho,
Sou o dono do meu destino,
Sou o capitão da minha alma.

sábado, 3 de março de 2012

Resenha : Divinas Aventuras


Resenha #5
Livro: Divinas Aventuras.
Autora: Heloísa Pietro.
Editora: Companhia das Letrinhas.
Páginas: 47.
Data da Leitura: 15/02/12.
Ótimo livro e de fácil leitura para quem não conhece nada a respeito da mitologia grega. De linguagem interativa e de rápido entendimento. Heloísa reuniu em seu livroa as histórias dos maiores deuses da mitologia grega antiga.
São histórias para serem contadas para crianças. Mas, para os adultos que gostam de informação, funciona muito bem.
Li o livro em uma ou duas horas.
No livro encontram-se as histórias dos principais feitos de Zeus, Hera, Ártemis, Hermes e Cronos.

Citações

(...) "- Como mortal, eu nunca fui um grande lutador, atleta ou poeta. Eu apenas fazia vinho. As pessoas em meu vilarejo riam de mim. Diziam que, eu nunca daria boa coisa. Agora olhe para mim. Às vezes coisas pequenas podem tornar-se de fato muito grandes."
(Percy Jackson & Os Olimpianos - A Batalha do Labirinto. Rick Riordan. Página 352.)

Citações


(...) "- Pã permitiu que o espírito dele fosse transmitido para todos nós. Precisamos agir. Cada um de nós deve trabalhar para renovar o mundo selvagem, para proteger o que resta dele. Precisamos disseminar a notícia. Pã está morto. Não existe mais ninguém, somente nós."
(Percy Jackson & Os Olimpianos - A Batalha do Labirinto. Rick Riordan. Páginas 344-345).

Citações


(...) "Conte a eles sobre minha morte. Porque eles precisam parar de esperar que eu os salve. Eu não posso. a salvação tem que partir de cada um." (...) - Pã.
(Percy Jackson & Os Olimpianos - A Batalha do Larinto. Rick Riordan. Página 322).

Citações


(...) "-Ogígia é uma ilha fantasma. Existe por si só, em qualquer lugar e em lugar nenhum." - Calipso.
(Percy Jackson & Os Olimpianos - a Batalha do Labirinto. Rick Riordan. Página 219).

Citações


"- Talvez seja por isso que os monstros desaparecem- eu disse - Talvez não seja uma questão de os mortais acreditarem ou não. Talvez seja porque vocês desistam de si mesmos."
(Percu Jackson & Os Olimpianos - A Batalha do Labirinto. Rick Riordan. Página 133)

Citações


"- De fato. - Hera fitou os mosaicos desbotados dos olimpianos. - Como vocês veem, em tempos difíceis até os deuses podem perder a fé. Eles começam a depositar confiança nas escolhas erradas, os oitadinhos. Deixam de olhar o panorama e começam a agir com egoismo. Mas eu sou a deusa do casamento, vocês sabem. Estou acostumada com a perseverança. É preciso se erguer acima das discordâncias e do caos e continuar acreditando. É preciso manter os obejtivos sempre em mente."
(Percy Jackson & Os Olimpianos - A Batalha do Labirinto. Rick Riordan. Página 114).

Resenha : Percy Jackson & Os Olimpianos - A Batalha do Labirinto


Resenha #4
Livro: Percy Jackson & Os Olimpianos - A Batalha do Labirinto.
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Páginas: 367
Comecei: 05/02/12 Terminei: 14/02/12
"Descerás na escuridão do labirinto infinito,
O morto, o traidor e o perdido reerguidos.
Ascenderás ou cairás pelas mãos do rei espectral,
Da criança de Atena, a defesa final.
A destruição virá quando o último suspiro do herói acontecer..."
Mais uma aventura de Percy, Grover e Annabeth devorada. Nessa história, a guerra está começando e a aventura começa a ficar mais sombria. Cronos está de volta ocupando o corpo de Luke (filho de Hermes - que Percy conheceu no Acampamento no seu primeiro ano e Annabeth conhece há tempos).
Os heróis se reunem à Tyson (o ciclope) e à uma amiga de Percy, Rachel (que se conheceram na escola - e ela pode ver atraves da Névoa), para conseguirem atravessar o Labirinto (do Minotauro) e encontrar Dédalo, seu criador e assim deter o exército de Cronos que está avançando também pelo Labirinto.
Nesse meio tempo, encontram Nico (filho de Hades) que havia fugido do Acamapmento na aventura anterior, porque sua irmã morreu em uma missão junto com nossos heróis. Nico, estava determinado a odiar Percy, mas com a guerra acontecendo, os dois acabam ficando amigos.
Grover conta com a ajuda de Tyson para encontrar Pã, que está sumido também, e Grover o procura há séculos. Descobrem que Pã tambem está no Labirinto.
Sentindo o que está por vir, Percy e seus amigos travam uma batalha épica dentro do Labirinto de Dédalo.
A história é dinâmica e envolvente, mais uma vez Rick, nos surpreende com seu grande conhecimento das antigas histórias.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Citações


" - Os defeitos mais perigosos são aqueles que, com moderação, são qualidades - afirmou ela. - É fácil lutar contra o mal. A falta de sabedoria... esta, sim, é muito difícil de vencer."
(Percy Jackson & Os Olimpianos - A Maldição do Titã. Rick Riordan. Página 303)

Citações

"A luz do sol tingiu-se de púrpura. Senti o cheiro de uva e de algo mais ácido - vinho.
CRAQUE!
Era o som de muitas mentes se rompendo ao mesmo tempo. O som da loucura."
(Percy Jackson & Os Olimpianos - A Maldição do Titã. Rick Riordan. Página 244)

Citações

" - Mas será que esses mortais não veem para quem estão trabalhando? - perguntei. - Não percebem todos os monstros à sua volta?
Zoë sacudiu negativamente a cabeça.
- Não sei o quanto eles veem através da Névoa. Mas duvido que teria importância para eles se soubessem de verdade. Às vezes os mortais podem ser mais horríveis que os monstros."
(Percy Jackson & Os Olimpianos - A Maldição do Titã. Rick Riordan. Página 155)

Resenha - Percy Jackson & Os Olimpianos - A Maldição do Titã

Cuidado! Essa resenha é uma continuação do livro Percy Jackson & Os Olimpianos - O Ladrão de Raios e O Mar de Monstros!
Resenha #3
Livro: Percy Jackson & Os Olimpianos - A Maldição do Titã
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Páginas: 336
Comecei: 31/01/12 - Terminei: 05/02/12
"A oeste cinco buscarão a deusa acorrentada,
Um se perderá na terra ressecada,
A desgraça do Olimpo aponta a trilha,
Campistas e Caçadoras, cada um brilha,
A maldição do titã um deve sustentar,
E, pela mão do pai, um irá expirar."
Nessa história, Percy, Grover, Annabeth e Thalia (filha de Zeus) vão resgatar mais dois meios-sangues - Bianca e Nico. A partir dessa busca é onde tudo começa. Durante a tentativa de resgate, os heróis são atacados por um monstro desconhecido e recebem um "reforço" das Caçadoras. Annabeth é levada pelo monstro e Bianca deseja reunir-se às Caçadoras. Ártemis presentindo uma ameça ainda maior, parte em busca do monstro.
Despois da partida de Ártemis, as Caçadoras se alojam no Acampamento Meio-Sangue esperando sua deusa voltar. Zoë Doce-Amarga (Caçadora de Ártemis) sonha com o sumiço da deusa e lhe é revelada a profecia (acima).
Nossos heróis Percy, Grover e Thalia, juntam-se às Caçadoras, Zoë e Bianca nessa nova aventura em busca de Annabeth e Ártemis. Aventura que nos leva mais uma vez ao encontro de grandes referências mitológicas. Com base em muito mistério, vão ao encontro de Cronos, o Senhor dos Titãs, que está cheio de planos terríveis para derrubar os deuses e destruir o Monte Olimpo.
Acredito (até agora), que est seja o livro mais obscuro da série Percy Jackson. Cheio de mistério, batalhas, fugas, desaparecimentos, aventuras, mitologia, conhecimento - que nos faz querer devorar os livros todos da série.
Como eu já havia falado anteriormente, Rick Riordan sabe como nos agraciar com suas aventuras e nos surpreender a cada linha lida. É impressionante a maneira como ele escreve e como faz com que nos apeguemos com os personagens dessa magnífica história.
Se existissem apenas duas palavras para descrever "A Maldição do Titã" seriam: interessante e intenso.

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Citações

"Hermes olhou de modo contemplativo para as estrelas.
- Meu caro jovem primo, se há algo que aprendi ao longo das eras, é que você não pode desistir da sua família, não importa o quanto se sinta tentado a isso. Não importa que eles o odeiem, o envergonhem ou simplesmente não apreciem seu gênio por ter inventado a internet..."
(Percy Jackson & Os Olimpianos - O Mar de Monstros. Rick Riordan. Páginas 111 e 112)

Citações

"Era um olhar para o oceano: em alguns dias, era possível dizer como estava seu humor. Na maioria dos dias, no entanto, era impossível de ler, misterioso."
(Percy Jackson & Os Olimpianos - O Ladrão de Raios. Rick Riordan. Página 351)

Citações

" -Isso me deixa triste, Percy.
- O que? Ter se juntado a essa missão estúpida?
- Não. Isso me deixa triste. - Ele apontou para todo aquele lixo no chão. - E o céu. Não dá nem pra ver o céu. Esta é uma época terrível para os sátiros.
- Ah, sim. Acho que você seria um ambientalista.
Ele me lançou um olhar penetrante.
- Só um humano não seria. Sua espécie está entulhando o mundo tão depressa que... Ora, não importa. É inútil fazer sermões para um ser humano."
(Percy Jackson & Os Olimpianos - O Ladrão de Raios. Rick Riordan. Páginas 196-197)

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Resenha - Percy Jackson & Os Olimpianos - O Mar de Monstros

Cuidado! Essa resenha é uma continuação do livro Percy Jackson & Os Olimpianos - O Ladrão de Raios.
Resenha #2
Livro: Percy Jackson & Os Olimpianos - O Mar de Monstros
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Páginas: 304
Comecei: 27/01/2012 - Terminei: 30/01/2012
Como eu havia dito na resenha do Ladrão de Raios, comprei a coleção toda de uma vez, mau um livro tem esfriado, já começo a ler o outro, tamanha a minha curiosidade de saber o que vai acontecer. O segundo livro da série, segue o mesmo parâmetro do primeiro, as aventuras de Percy Jackson e seus amigos, Annabeth (filha de Atena) e Grover (o sátiro).
Nesta segunda parte da aventura, Percy conhece Tyson (um ciclope), que mais tarde descobre que é seu irmão (Tyson também é filho de Poseidon). Percy, Tyson e Annabeth partem para ajudar Grover - que está em uma missão para encontrar Pan (o deus da floresta) e acabu ficando preso em uma ilha no meio do Mar de Mosntros.
Nessa aventura, o Acampamento Meio Sangue também está em perigo, pois a árvore que protegia o acampamento foi envenenada. Além de ajudarem Grover, nossos heróis vão procurar o Velocino de Ouro (o mesmo da história de Jasão e os Argonautas), juntamente com Clarisse (filha de Ares, o deus da guerra), porque a missão de salvar o acampamento e encontrar o Velocino foi destinada à ela.
Mais um livro cheio de lutas, partes cômicas e que nos fazem refletir em algum ponto.
Lendo dois livros da Saga Percy Jackson e os Olimpianos, Rick Riordan não economiza em aventuras, batalhas e um vasto conhecimento de histórias da Grécia Antiga.
Repito as mesmas palavras que usei em O Ladrão de Raios, aventura, do começo ao fim. E só!

Resenha - Percy Jackson & Os Olimpianos - O Ladrão de Raios


Resenha #1:
Livro: Percy Jackson & Os Olimpianos - O Ladrão de Raios
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrínseca
Páginas: 385
Comecei: 20/01/2012 - Terminei: 26/01/2012
Sempre fui muito fã de aventuras adolescentes, tanto que, parte da minha adolescência foi lendo Harry Potter. Eis, que estava passeando pelos canais da televisão e estava passando Percy Jackson e o Ladrão de Raios, assisti um pedaço do filme (não vi o filem até o final), achei interessante, porque sempre gostei de mitologia também, não contente, comprei a coleção de livros. (Diga-se de passagem, achei que o filme matou o livro.)
O primeiro livro da saga Percy Jackson & Os Olimpianos me surpreendeu. A história é dinâmica, cheia de batalhas e grandes surpresas. Intrigante e interessante, principalmente se gostar de mitologia e já ter lido algo no estilo.
Percy conta sua história para os leitores, tranquilamente sobre sua vida pacata de adolescente "problemático", que foi expulso de vários colégios por motivos suspeitos. Em um desses colégios conhece Grover, que se torna seu grande e melhor amigo. Até que, Percy é atacado e parcialmente a verdade começa a ruir sobre sua vida - de que é meio sangue, ou seja, filho de um deus (ou deusa) com um mortal (o que nos remete a história de Hérculis).
Percy, com a ajuda de sua mãe e Grover (os dois sempre souberam e nunca falaram nada para ele), é levado para o Acampamento Meio Sangue (onde são levados os heróis em treinamento), para receber instrução necessária e tomar ciência de quem é seu pai.
Assim que é descoberto que é o pai de Percy, este é acusado de ter roubado o Raio Mestre de Zeus. Então, o jovem e recém descoberto herói, recebe a missão de encontrar o raio e devolvê-lo à Zeus no Monte Olimpo, e assim poder provar sua inocência. Junto vão seus amigos Grover (que é um sátiro - meio homem meio bode) e Annabeth (filha de Atena) que ele conhece no Acampamento.
A história é repleta de batalhas e aventuras, desde o primeiro capítulo até o último ponto final. Muito empolgante e envolvente. Para quem gosta e já é familiarizado com a mitologia, é um prato cheio. Altamente cheio de referências e personagens das histórias da Grécia Antiga.
Achei uma excelente aquisição para o meu acervo. Recomendo!

Caixa do Correio #1

Caixa do Correio #1
Estou meio atrasada com a caixa do correio, na verdade, estou meio atrasada com tudo aqui do blog. Esse blog já devia estar pronto há séculos....vamos lá.
Estava navegando em prmoções no Submarino (http://www.submarino.com.br/menu/1060/livros) no começo de janeiro para ver o que estava em promoção e vi:
As Crônicas de Nárnia e Pégasus.
Coleção do Percy Jackson & Os Olimpianos.
Comecei lendo pelo Percy, já li dois livros e estou na metade do terceiro, vou postar as resenhas em seguida. Estou anciosa demais para ler As Crônicas de Nárnia.
Aquisições de Janeiro/2012:
* As Crônicas de Nárnia - C. S. Lewis
* Pégasus e o Fogo do Olimpo - Kate O'Hearen
* Percy Jackson e Os Olimpianos - O Ladrão de Raios - Rick Riordan
* Percy Jackson e Os Olimpianos - O Mar de Monstros - Rick Riordan
* Percy Jackson e Os Olimpianos - A Maldição do Titã - Rick Riordan
* Percy Jackson e Os Olimpianos - A Batalha do Labirinto - Rick Riordan
* Percy Jackson e Os Olimpianos - o Último Olimpianos - Rick Riordan